5 cuidados fundamentais ao abrir uma franquia

Basta abrir qualquer revista de negócios para ter uma certeza:...

Basta abrir qualquer revista de negócios para ter uma certeza: a quantidade de franquias hoje no Brasil é enorme. São opções em todas as áreas do mercado e com investimento inicial bem acessível, com valores a partir R$ 1.000. Porém, assim como em qualquer outro negócio, é preciso estar atento a uma série de fatores que podem dificultar o sucesso da sua empreitada.

Veja quais são os 5 principais cuidados que você deve tomar ao abrir uma franquia:

Planejar é preciso

No mundo empresarial, praticamente nada deve ser feito sem planejamento, especialmente abrir uma empresa. E, é claro, esse fato não seria diferente ao abrir uma franquia.

Existem franquias dos mais diversos portes, por isso, saiba se está escolhendo uma que atenda aos seus objetivos sem comprometer suas finanças. Evite também escolher uma área muito distante dos seus interesses particulares ou da sua experiência profissional. Lembre-se de que você precisará dedicar muitas horas do seu dia para que o negócio tenha sucesso.

O investimento inicial, a escolha de um bom ponto, a necessidade de pessoal, o tempo médio de retorno do investimento, a compra de equipamentos… Todos esses são fatores que devem ser cuidadosamente analisados antes de decidir investir em uma franquia.

Não deixe de fazer a análise de mercado

Essa é outra dica que serve para qualquer tipo de negócio que você deseje abrir, não apenas franquia: entenda o mercado no qual pretende entrar. Essa análise deve ser muito criteriosa, pois será um dos fatores mais importantes para o sucesso da sua empresa.

Existe demanda para o produto que a franqueadora oferece? Quais serão os seus concorrentes mais diretos? Sua empresa vai trazer um produto ou serviço que ainda não está disponível na sua região?

Saiba que o fato de uma franquia obter sucesso em diversas localidades diferentes não é garantia de que ela vai prosperar na região em que você pretende instalá-la. Cada área possui certas peculiaridades que influenciam diretamente no mercado do produto ou serviço que você vai oferecer.

Converse com outros franqueados

Um dos documentos mais importantes que você terá em mãos antes de abrir uma franquia é a COF (circular de ofertas de franquia). Nela estarão presentes uma série de informações sobre a franqueadora, e o interessado tem, por lei, um período mínimo de dez dias para analisá-las minuciosamente.

Nessa circular estão presentes os contatos de atuais franqueados e de ex-franqueados. É muito importante que você entre em contato com esses dois tipos de pessoas, pois eles poderão dar informações muito importantes para o seu futuro negócio.

Não hesite em perguntar para os atuais franqueados quais são as principais dificuldades encontradas no dia a dia, como a franqueadora atende a essas dificuldades e como o mercado vem respondendo aos produtos. Já com os ex-franqueados, pergunte quais foram os motivos que os levaram a fechar a empresa, quais erros que cometeram ou se eles se decepcionaram com a franqueadora.

Olho nas finanças

O planejamento financeiro é outro fator crucial para o sucesso de longo prazo da sua franquia. É necessário saber detalhadamente quais são os seus custos fixos, quais são os variáveis, a entrada de dinheiro e qual a necessidade de captar recursos externamente através de um financiamento ou da busca de um sócio, por exemplo.

Outro erro muito comum relacionado às finanças, especialmente nas empresas familiares e de menor porte, é a mistura entre as contas pessoais e empresariais. Não cometa esse erro, pois ele é um dos principais responsáveis pelo fracasso de vários negócios! As entradas e saídas da empresa devem ser tratadas de maneira completamente independente.

Caso seja preciso, não hesite em contratar uma consultoria para ajudá-lo a gerir as suas finanças. Esse é um investimento que pode valer muito a pena no longo prazo.

Cuidado com alguns dados sobre a franquia

Os documentos sobre a franquia, entre eles a COF, trazem uma série de dados sobre a franqueadora e franqueados. Entre eles estão as médias do tempo de retorno do investimento, faturamento mensal e investimento inicial. Cuidado com esses dados!

Em primeiro lugar, essas são as médias, ou seja, é possível tanto estar acima dela como abaixo, dependendo de fatores como localização, momento do mercado e dedicação do empreendedor. A média dá uma boa base, mas ela não conta toda a história.

O faturamento médio mensal merece uma atenção especial. Geralmente, é referente a empresas que já estão consolidadas no mercado. A sua franquia, diferentemente destas, estará ainda na fase de nascimento. Ou seja, não conte que receberá um valor necessariamente próximo à média mensal, pois seu negócio ainda estará se consolidando nos primeiros anos.

As franquias podem ser ótimos negócios, e não é à toa que diversos empresários já obtiveram sucesso com esse modelo. Porém, é preciso muito cuidado com alguns fatores, principalmente com aqueles que listamos nesse post. Lembre-se sempre: não existe sucesso sem planejamento e dedicação!

Quer dividir alguma outra dica de cuidados fundamentais ao abrir uma franquia? Tem alguma dúvida? Compartilhe com outros usuários do blog, deixe seu comentário!


Deixe seu comentário