Margem Ebitda: Entenda o que é e como calcular o da sua empresa

A gestão de negócios prevê o conhecimento sobre diversos temas e análise de diversos indicadores. Alguns dos mais importantes indicadores são os financeiros, pois eles ajudam a entender o contexto econômico e a eficiência operacional do negócio. Entre os principais indicadores financeiros, está a chamada Margem Ebitda.

Neste artigo explicaremos o que é Margem Ebitda, o que ela apresenta e como calculá-lo. Continue lendo. 

O que é Margem Ebitda

Primeiramente, explicaremos o significado da palavra Ebitda. É uma sigla que vem do inglês: Earnings Before Interest, Taxes, Depreciation and Amortization. Na tradução são os Lucros antes dos Juros, Taxa, Depreciação e Amortização.

A Margem Ebitda indica, portanto, a margem de lucro da empresa antes de todas as deduções, como juros, taxas, depreciações e amortizações.

Ou seja, é preciso entender que este valor não será o lucro real final do negócio, mas ajuda a avaliar como o desempenho da empresa está em termos de custos e receitas, além de encontrar possível problemas operacionais. 

Lucro das atividades do negócio

Na prática, a Margem Ebitda é o indicador do lucro que o negócio consegue a partir das suas atividades operacionais. Isso porque as variáveis são descartadas para este cálculo.

É uma forma de entender se a atividade do negócio traz lucro ou prejuízo e, se existem problemas a serem solucionados. Ou seja, este indicador ajuda tanto a mensurar o resultado da margem de lucro da empresa, quanto na identificação de problemas. 

Como calcular a Margem Ebitda

Para calcular este indicador há uma fórmula predefinida, o que facilita o trabalho e permite que os gestores tenham a resposta rápida sobre o tema.

A Margem Ebitda é então a divisão do lucro operacional (Ebitda) pela receita líquida do negócio, e multiplicado por 100 para expressar o resultado final em porcentagem.

Pode parecer complexo, mas, com os valores de Ebitda e receita líquida bem calculados, fica mais fácil alcançar este indicador. Além disso, é possível contar com a ajuda de sistemas que ajudem neste processo, por exemplo, com as soluções oferecidas pela Controlle.

Estas são as informações essenciais, portanto, para que os gestores e donos de empresas possam calcular a Margem Ebitda de um negócio e entender se sua operação vem sendo positiva ou não.

Saiba mais

Continue lendo mais posts de nosso blog. para ampliar o seu conhecimento sobre diversos assuntos relacionados à gestão, principalmente, financeira do negócio. 


Deixe seu comentário
Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade